Quem tem medo de bruxa?

Elas estão sempre no imaginário popular como seres maléficos, com suas risadas estridentes, seus feitiços, nariz pontudo e caldeirão fumegante.

Claro que você já sabe que estamos falando das malvadas bruxas.  Apresentamos então uma listinha de cinco das mais mitóticas bruxas do cinema.  Algumas, claro, não pertencem necessariamente a filmes de terror, mas nem por isso são menos assustadoras. 

Muitas são as histórias sobre o início do mito das bruxas, mas o maior consenso foi que ele nasceu na idade média, quando o desconhecido causava o pavor nas pessoas. Por inexistir uma ciência consolidada que pudesse esclarecer de forma objetiva muitos acontecidos, as pessoas os atribuíam, muitas vezes, ao diabo e à feitiçaria. Por exemplo, mulheres eram queimadas vivas porque despertavam em padres o desejo, e eles, como homens “santos” só podiam sentir tal coisa por causa de feitiçaria.

Um outro fator que contribuiu efetivamente para esse mito era a hegemonia exercida pela Igreja católica sobre toda a sociedade, o comportamento e até, os pensamentos das pessoas. Sendo assim, todos que ousavam se comportar de maneira diferente estavam sujeitos a ser taxados de ocultistas e coisas afins. Como diversas mulheres tinham conhecimentos sobre as práticas da terra e plantas medicinais por exemplo, coisas condenadas pela igreja, estavam sempre na mira da inquisição, uma prática que surgiu com objetivo de instaurar a religiosidade na sociedade. Foram os tribunais da Santa Inquisição que promoveram a “Caça as Bruxas”, quando cerca de 100 mil mulheres foram executadas.

A literatura posteriormente foi responsável por diversificar as bruxas. Por meio de contos de fadas como Branca de Neve, Cinderela, João e Maria, e muitos outros, elas ganharam proporção mundial, se tornando multifacetadas e populares. O cinema também contribuiu efetivamente para que as bruxas caíssem de vez no gosto popular. Das mais carismáticas às mais asquerosas, hoje elas podem fazer rir ou chorar de medo.

Listamos então cinco bruxas malvadas, quem sabe numa próxima oportunidade falamos das bruxinhas boas. Tem muitas por aí! Obviamente, muitas bruxas incríveis vão ficar de fora da lista, não dá pra falar de todas.  

Bruxa Eva – Convenção das Bruxas 

Já começo com um clássico da sessão da tarde: Convenção das Bruxas. Aqui, as bruxas da Inglaterra se reúnem em um hotel para planejar algo muito maligno e ambicioso, transformar todas as crianças em ratos.  Eva é interpretada pela maravilhosa Anjelica Huston e a caracterização é impecável, uma bruxa bem nojenta, como deve ser.  

 

Irmãs Sanderson – Abracadabra

Este é outro clássico, que não podia ficar de fora dessa lista. Mais voltado para o humor, quem não se lembra do trio de bruxas que aterrorizou a cidade de Salém. Kathy Najimy, Bette Midler e Sarah Jessica Parker interpretaram as irmãs que eram despertadas sem querer, bem no halloween e voltam a vida querendo matar criancinhas para conseguir a juventude eterna. Com cenas icônicas, este filme se tornou cult e está sempre na lista dos apaixonados pelas bruxas.

A Bruxa de Blair

Um dos primeiros filmes de terror que lançam mão do recurso found footage (câmera na mão). Com um marketing que girou em torno do fato de os acontecimentos serem reais, o filme apavorou muita gente, mesmo sem a aparição da bruxa. De acordo com a história, a Bruxa de Blair foi enforcada no século XVII e habita a floresta de  Maryland, onde um grupo de jovens vai gravar um documentário sobre a lenda. E, mesmo sem ser mostrada em nenhum momento, o filme causa muito medo.

 

Belatriz Lestrange- Saga Harry Potter

Não podíamos deixar de fora um das piores bruxas da saga Harry Potter. Belatriz é capaz das maiores atrocidade e se diverte com elas. Matou e torturou diversas pessoas dando risadas. Aliás, suas risadas fazem dela uma típica bruxa. Sádica, cruel e totalmente louca, Belatriz é, sem dúvida, uma bruxa pavorosa.

 


Bruxa Má do Oeste – O Mágico de Oz  e Oz: Mágico e Poderoso 

Com sua pele verde e verruga na ponta do nariz, ela é a bruxa do Mágico de Óz. No cinema foi magistralmente interpretada por Margaret Hamilton, em 1939, por Mila Kunis em 2013 e pela atriz Rebecca Mader, na série Once Upon a Time. Ela oprime todos os habitantes do Oeste de Óz e logo se tornou a maior vilã da história.

 

 

Conheça outros posts da coluna TerrivelMente!

Até semana que vem!

As opiniões expressadas aqui são exclusivas da colunista.
Envie um e-mail para josiane@literalmenteuai.com.br

Deixe o seu comentário

comentários

One Reply to “Quem tem medo de bruxa?”

Deixe seu comentário