O livro No Seu Olhar apresenta uma faceta mais moderna da escrita do best-seller Nicholas Sparks

Eu achei que já tivesse superado a fase Nicholas Sparks após ler praticamente todos os seus livros e sofrer com cada linha de suas histórias. Até que, neste ano, ganhei o seu mais recente lançamento: No seu olhar. Como boa leitora, coloquei-o em minha lista aguardando o momento preciso para leitura. Sim! Nicholas Sparks não é para qualquer hora não (risos). E, não me decepcionei, o livro de fato é muito bom!

Mas antes…

Durante muito tempo Nicholas Sparks foi meu autor favorito. O amor era tanto que me fez ficar mais de quatro horas em uma fila na Bienal do Livro do Rio de Janeiro, em 2013, só para pegar um autógrafo e tentar tirar uma foto. Era minha primeira presença em Bienal e eu não aproveitei nada do evento, não consegui tirar a tal foto, perdi o ônibus de volta pra BH, mas fiz uma das melhores amizades da minha vida, a Thais, (que persistiu e conseguiu a foto e o autógrafo). Nos conhecemos na fila do evento e desde então não paramos de conversar. Foi justamente a Thais que me presentou.

Importante registrar que, neste dia da Bienal, o Nicholas assinou mais de 4 mil livros. É inegavelmente um fenômeno editorial. Suas histórias são envolventes e os finais como já sabemos nada previsíveis e quase sempre tristes. Exemplos? Um amor para recordar, Noites de Tormenta e A última música não me deixam mentir. Sempre indico o autor para pessoas que estão começando a se engajar com a literatura ou que precisam curar alguma ressaca literária. Nunca falhou!

Porém o autor, que é declaradamente um conservador, já se envolveu em polêmicas relacionadas a racismo e homofobia (veja o caso). Isso fez com que, obviamente, minha admiração aos poucos se acabasse. Eu ainda não consegui evoluir ao ponto de separar o autor de sua obra. Assim, nunca mais tinha lido nada dele.

A história

Movida pela curiosidade e pela certeza da leitura fluida, dei uma chance à obra (valorizando o presente da minha amiga) e terminei em um dia. Pude identificar que o bom e velho Nicholas deu uma reciclada, atualizou sua história, e trouxe debates importantes para essa obra, como os transtornos mentais dos personagens, a força das redes sociais como ferramentas de stalker, em um thriller de suspense para ninguém botar defeito. Torço para que em suas próximas obras paute também o racismo, a homofobia entre outras acusações de que foi apontado.

No Seu Olhar conta a história de amor entre Maria Sanchez (primeira protagonista não americana do autor) e Colin Hancock. Um rapaz que cresceu com o rótulo de inadequado e uma moça que batalhou muito para ser advogada. Ela é adorada pela família, ele tem restrição judicial que impede a aproximação dos pais. Ambos estão em busca de redenção.

“Colin era o tipo de cara que ela costumava processar. Até ontem, se alguém sequer fizesse a sugestão de que ela saísse com um cara que tivesse o passado dele, ela teria gargalhado ou ficado ofendida.” (Pág. 89)

Os dois são completamente opostos, mas com uma química gostosa de acompanhar. Eles se completam. E a torcida pelo casal já se inicia logo nas primeiras páginas. Gostei muito da coragem de Maria, da proteção e do carinho do Colin.

“Você é incrível. É inteligente, linda e deveria ter facilidade para encontrar alguém sem meu passado, que não tenha cometido meus erros…” (pág.164)

É um drama com personagens bem gente como a gente, com problemas e rotinas mais próximas da nossa realidade. É um carro que não pega… uma roupa que está fedendo suor… um celular esquecido no trabalho… Bem a cara do autor que acompanha a rotina dos personagens, com cronologias bem definidas em dias e horas com descrições precisas de cada ação (isso incomoda alguns leitores).

É uma história que apesar de ter poucos personagens, envolve muitas pessoas, em especial a família da Maria, uma tradicional família mexicana que emigrou para os EUA em busca de trabalho.

Por conta de ações do passado, Colin pode ser preso a qualquer momento, pelo menor deslize que cometer e vive sob vigia constante do detetive Margolis. Maria, quando atuou na promotoria participou de um caso polêmico e agora está sob a mira de uma vingança. Colin tem o passado sombrio, mas agora busca sua redenção, ele quer estudar para ser professor e ajudar crianças que sofrem dos mesmos problemas emocionais que ele sofreu. Maria é o brilho que faltava para coroar esse momento.

“Nós dois sabemos que seu lugar não é na rua. Um cara feito você? Quantas pessoas você mandou para o hospital no correr dos anos? Você é violento e não consegue se controlar. Não para sempre. Quando isso acontecer, estarei lá. E vou ser o primeiro a dizer: Eu avisei.” Pág.43

Mas a jornada de amor desses dois será árdua e o futuro incerto, mais uma marca da escrita do autor. É uma história com suspense, mistério, muita entrega, provas de amor entre irmãos, amigos e, principalmente, entre o casal.

Vale a leitura.

No seu olhar é uma publicação da Editora Arqueiro.

No Resenhando você encontra resenhas de todos os gêneros literários.

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe seu comentário