LiteralMente Maria e Gabriela

O LiteralMente é a reunião de amigos que, apesar de todas as diferenças (e olha que são muitas), encontraram algo em comum, a literatura.

Jornalistas e profissionais da comunicação, apaixonados pelos livros, dedicam um pouquinho do seu tempo livre em prol deste projeto, que literalmente, já modificou a vida de muita gente, inclusive a nossa. Conheça agora Quem orgulhosamente, garante o sucesso do LiteralMente,Uai! há mais de um ano!

Gabriela, além de mãe da Maria é redatora e colunista 

Quem é você?

Sou a Gabi, mamãe da Maria. Tenho 30 anos, nasci em BH, sou casada e formada em Jornalismo. Atualmente trabalho com marketing de conteúdo na empresa Rock Content e gosto muito. Amo passear em família,  ir em parques, bares, restaurantes, etc.

Como a literatura entrou na sua vida?

Sempre gostei muito de livros, mas não tinha muito hábito de ler. Então conheci a Elis aqui do literalmente e ela foi me indicando alguns livros de leitura leve e história cativante, assim fui criando esse hábito e hoje não consigo passar muito tempo longe de um livro.

O que você faz no Literalmente?

Sou colunista. Escrevo pra coluna “LiteralMente, Mãe!” e as vezes faço algumas outras publicações.

Qual seu texto(publicado no Lit) preferido?

Não tenho um preferido, amo todos! rsrs

Mas me divirto muito com o texto sobre a “Fase da mordida”, ele retrata muito o meu desespero de mão de primeira viagem ao lidar com essa fase.

Se pudesse escolher apenas um argumento para as pessoas lerem mais, qual seria?

A leitura muda o Mundo, comece hoje mesmo a mudar o seu!

Quais suas metas de leitura para 2019?

Ainda não tenho nomes definidos, mas a minha meta é conseguir ler mais livros literários do que li em 2018 (tenho lido muito textos, artigos e livros empresariais), e quero ler algum clássico que ainda não li.

Livros que te marcaram em 2018:

Esse ano eu não tive nenhum livro que tenha me marcado muito. Claro, que todos os livros sempre deixam marcas em nossas vidas, mas esse ano eu não tive nenhuma leitura tão forte quanto os meus favoritos “O caçador de pipas” (Khaled Hosseini) e a trilogia da “Seleção” (Kiera Cass)


:: Ping-Pong ::

  •  Ler é…

Fugir da realidade

  •  Quem é seu autor (a) favorito?

Não tenho um específico, gosto de vários.

  •  Cite um livro que te marcou

O caçador de Pipas – Khaled Hosseini

  •    Qual livro você mais releu?

Nunca reli nenhum livro.

  • Nem li, nem lerei?

Livros de terror

  •     Um sonho literário

Que a leitura seja o maior vício das crianças e adolescentes

  •    Seu personagem favorito

Tenho mais de um, mas vou com o príncipe Maxon da trilogia “A Seleção”

  •    Seu gênero favorito

Romance

  •   Uma frase que te inspira

“A palavra encanta, o exemplo ensina” (Autor desconhecido)

Veja outros perfis aqui

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe seu comentário