Escola pública: é possível encontrar um bom ensino?

A Maria completou seu primeiro semestre de aula em escola pública e eu sigo muito satisfeita com o ensino e a dedicação dos professores

Todos os pais querem oferecer o melhor para os seus filhos e muitas vezes ficam em dúvida se é possível ter um bom ensino em Escola Pública. 

A educação de um filho é um assunto muito importante e a escolha da escola nem sempre é tarefa fácil.

Eu sempre refleti muito sobre o assunto e alguma vezes cheguei a ficar insegura quanto a ter condições de manter minha filha sempre em escola particular, ou como estaria a situação das públicas que ela estudasse.

Estudei em escola pública toda a minha vida.Tive problemas de falta de professores e greves, mas nada que me impedisse de seguir em frente e realizar meus sonhos, e assim entrei na faculdade aos 17 anos.

Existem escolas boas e ruins tanto no sistema público como no particular. As públicas tem o agravante de sofrer com a falta de atenção dos governantes e isso acaba afetando o ensino, mas existem professores que não se abalam e fazem com o mínimo o máximo pelos alunos.

Quando precisei escolher a primeira escolinha para a Maria já tinha em mente que a primeira opção para esse início de vida escolar seria conseguir vaga em uma EMEI, e só olharia uma particular se ela não conseguisse a vaga com 3 aninhos.

Eu sempre admirei o método de ensino deles de não forçar o aprendizado e sim, desenvolver habilidades. Sei que o programa é maravilhoso, mas cada unidade é única,por isso algumas se destacam e outras não. Tenho intenção de colocá-la em uma escola particular quando sair do jardim, mas no momento estou extremamente satisfeita com o resultado que estamos tendo.

Desde o primeiro dia de aula da Maria eu percebi nas professoras uma vontade de fazer o melhor e proporcionar experiências maravilhosas nas crianças. A cada dia, cada conversa, cada festinha, minha admiração foi se reforçando e quando chegou o fim do semestre eu me encantei ainda mais.

Na reunião de pais, as professoras apresentaram tudo o que as crianças fizeram ao longo do semestre. Entregaram um caderno que é o histórico de atividades das crianças de todo período que permanecem na EMEI. Elas explicaram que a falta de verba estava grande e nos mostraram como isso afetou dentro de sala de aula, mas não paralisaram diante disso, e nos mostraram como têm feito para fazer o máximo com o mínimo que possuem.

Neste caderno cada atividade desenvolvida pelas crianças são detalhadas, e os pais esclarecidos do motivo da realização delas e como ajudaram no desenvolvimento. Nele também recebemos fotos de vários momentos da criança, inclusive na biblioteca desbravando o universo dos livros (o que me deixou muito feliz). 

Cada família recebeu um texto que conta sobre a percepção das professoras sobre cada aluno, apontando os aprendizados, manias, dificuldades e particularidades de cada uma daquelas criancinhas. Apontaram como cada ponto será trabalhado no próximo semestre para desenvolver ainda mais nossos pequenos.

É possível sim ter uma educação de qualidade em escola pública e as EMEIs estão aí para investir em um futuro melhor, cuidando com tanto carinho das nossas crianças.

Veja mais historietas de mães!

A coluna LiteralMente,mae! é publicada quinzenalmente aos domingos. As opiniões e fatos não refletem necessariamente a opinião de todas as mães, mas sim a vivência da colunista.

Quer trocar experiências comigo? Envie e-mail para gabriela@literalmenteuai.com.br

 

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe seu comentário