eu nunca

Sabe aqueles dias tediosos em que você fica buscando algo leve na Netflix para distrair a mente?! Muito recentemente tive um desses dias. Logo, encontrei a série Eu Nunca. À primeira vista, parecia uma produção adolescente que reforçam estereótipos.

Não que eu goste de estereótipos, entretanto, precisava de algo fácil, que não me levasse a lugar nenhum (risos). Então, chegou a série e me deu um belo tapa na cara. Calma, eu explico!

Sobre os protagonistas

Com produção de Mindy Kaling, a série conta a história de uma adolescente indiana que vive nos EUA. Devi (Maitreyi Ramakrishnan) é uma nerd que perdeu seu pai e grande herói recentemente. Além disso, possui problemas de convivência com a mãe Nalini (Poorna Jagannathan).

Nalini não tem muito tempo de tela, mas é responsável por um dos mais profundos dramas pessoais da série.

As melhores amigas de Devi são Fabíola (Lee Rodriguez) e Eleanor (Ramona Young), estas que, vivem com Devi os maiores desafios adolescentes possíveis, até quando a amizade se vê abalada.

eu nunca

Sobre o enredo de Eu Nunca

Eu Nunca chegou à Netflix em 27 de abril e, com apenas duas semanas no ar, já conquistou no top 5 entre os dez títulos mais vistos divulgados pela plataforma (de acordo com o UOL). Foi considerado sucesso de audiência no Brasil e no mundo.

Essa série foge completamente ao estereótipo de produções jovens com atrizes brancas e tramas completamente previsíveis. Além disso, aborda diversos temas da cultura indiana e suas diretrizes, como por exemplo, o casamento arranjado.

Devi é apaixonada pelo garoto mais popular da escola, Paxton (Darren Barnet), por essa paixão coloca à prova suas melhores amizades e a relação com a família. Além disso, ao longo da trama (e com ajuda de sua terapeuta), a protagonista vai descobrindo que existem coisas mais importantes para serem resolvidas em sua vida.

A trajetória de Devi é composta por diversos momentos de autoconhecimento e descobertas.

Oficialmente, a Netflix ainda não confirmou uma segunda temporada da série de Mindy Kaling. Mas, dada a boa recepção do público em todo o mundo e os rumos do final da primeira, tudo leva a crer que sim.

Então, se você está à procura de uma comédia com doses de drama adolescente (não completamente), recomendo veementemente a série Eu Nunca.

Falamos de livros, séries, filmes e outras críticas. Clique aqui para continuar lendo. 

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe seu comentário