Como Treinar o Seu Dragão 3 fecha com chave de ouro a franquia de sucesso

Estreia hoje nos cinemas o último longa das aventuras de Soluço, Banguela e companhia. Como Treinar o Seu Dragão 3, encerra 9 anos depois de seu primeiro filme, a saga do garoto Viking que se sentia sozinho e sua amizade com o último dos Fúria da Noite.

Os filmes, livremente inspirados nos livros de Cressida Cowell, contam a história de Soluço,  agora líder viking de seu povo, sua noiva Astrid e toda a turma de jovens que os acompanhou durante a saga, sem me esquecer, claro, dos inúmeros dragões, de diversos tamanhos, tipos formatos e peculiaridades liderados por Banguela, o último Fúria da Noite.

Cena filme / Copyright Universal Pictures International France

Nesta aventura, Soluço decide abandonar o lugar que seu pai deu a vida para proteger e partir com seu povo e seus dragões para um Mundo Escondido, fugindo de Grimmel, o responsável pela morte de todos os dragões da espécie de Banguela.

O líder de Berk agora assume maiores responsabilidades entre seu povo e sente as dores de crescer, de enfrentar os desafios e de proteger aqueles a quem você ama a qualquer custo.

O fim da saga é menos emocionante que o segundo filme da franquia e mantém o tom divertido e mágico do primeiro, mas agora, Banguela não está mais sozinho, porque encontrou Fúria da Luz, uma fêmea de sua espécie e Soluço encontrou sua mãe e Astrid (que já estava lá, na verdade). É um final satisfatório e esperançoso, mesmo que seja um final.

 

Franquia de Sucesso

O roteiro e animação continuam dispensando comentários, portanto Como Treinar Seu Dragão 3 deve seguir a trajetória de sucesso de seus antecessores que já contam com indicações ao Oscar e vitória no Globo de Ouro.

Um dos maiores sucessos da DreamWorks está chegando ao fim, no Trailer o Soluço diz que “Havia dragões, quando eu era menino”, vá aos cinemas descobrir o que pode ter acontecido com eles!

Confira outras resenhas aqui no LiteralMente, UAI!

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe seu comentário