BookTag: Princesas da DisneyTexto BookTags

Essa onda de remakes com as Princesas da Disney reacendeu em mim aquele rapazinho que obrigava a mãe a alugar a fita do Rei Leão todo fim de semana. O menino que passava a semana cantando que “somente o necessário, o extraordinário é demais…” e que já tinha programado os três pedidos para o Gênio do Aladdin (se você se identificou com essa infância, corre na sessão Antes dos 30 que tem muita coisa pra gente que chegou no fim dos anos 80 e durante os 90).

Por isso, decidi começar essa coluna com uma Tag não original, a Tag Princesas da Disney, que peguei no canal da Mel. Talvez depois eu crie (ou copie, se já existir) uma tag para os príncipes, mas assim: não tô prometendo.

Sem mais demoras, vamos à lista de livros para as Princesas da Disney:

Branca de Neve: um livro com a capa branca.

“Ele Está de Volta”, de Timur Vermes, é um livro sobre Adolf Hitler ter retornado à Alemanha 70 anos após um sono profundo. Como ele se veste com o uniforme militar e se parece muito com Hitler (afinal, ele é o cara mesmo), as pessoas acham que é um sósia comediante. A leitura pode ser cansativa para quem não se interessa pelas questões políticas da Segunda Guerra, mas o filme também é divertido e tá na Netflix.

Bela: (sonhadora criatura, tem mania de leitura♫) Um livro que você leu mais de uma vez.

Qualquer da saga Harry Potter seria muito clichê? Seria, mas é aquele ditado, né.

Aurora: Um livro que você tentou ler várias vezes mas acabou dormindo.

JK Rowling não é só maravilhas, pessoal. A saga de Cormoran Strike em “O Chamado do Cuco”, para mim, acabou antes de chegar na metade do primeiro livro, um dia eu termino, juro, mas até então tá na lista de A Bela Adormecida.

Jasmine: Um livro com um bicho de estimação muito querido.

“Até o Dia em que o Cão Morreu”, do Daniel Galera, é um livro curtinho que tem adaptação pra tela  e tem um cãozinho chamado Churras. Se você nunca leu nada do Galera, esse é um ótimo livro para começar.

Ariel: um livro ou autor que você coleciona.

Queria que A Pequena Sereia fosse um livro com a água sendo um ponto importante, mas como a Ariel é uma colecionadora acho válido e escolho a série “Darkover”, da Marion Zimmer Bradley. Desde adolescente eu amo essa série e só tinha lido um volume até então, mas agora estou correndo sebos pelo mundo rastreando e adquirindo a coleção completa. Em breve sai uma série da Amazon Prime sobre Darkover e eu pretendo fazer uma série aqui ou no YouTube, aguardem.

Elsa: Um livro que se passe no inverno.

“A Menina que Roubava Livros” é um livro um pouquinho arrastado, mas tem tantos momentos maravilhosos. E vale a pena pela marcante presença de Rudy Steiner, um dos meus personagens favoritos dentre todos os livros que já li.

Rapunzel: um livro longo, em páginas ou em enredo arrastado.

“Crime e Castigo”, de Dostoiévski, é um clássico sensacional, mas tem coisa demaaaaais em alguns pontos, soa repetitivo, mas vale muito a pena.

Cinderela: um livro ou série que se perdeu no meio do caminho.

“Dias Perfeitos”, do Raphael Montes é um livro muito bem escrito mas que, na reta final, teve muito mais Deus Ex Machina do que o aceitável.

Deixe aqui nos comentários sua impressão sobre os livros que eu citei, ou então, responde a tag Princesas da Disney com suas experiências.

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe seu comentário