BH recebe a Mostra En(cantos) Literários

De 10 a 14 de abril, a Mostra En(cantos) Literários levará crianças, jovens e adultos para uma verdadeira imersão no universo da cultura e da literatura. O evento é realizado pelo Colégio Santo Agostinho – Unidade Belo Horizonte, com o objetivo de incentivar a leitura, trabalhando as várias formas de expressão artística. A programação é voltada para a comunidade escolar. 

Na Mostra En(cantos) Literários haverá exposições interativas; feira de livros com a presença da Livraria de Rua e da Editora Aletria; ponto de leitura para troca de livros e espaços temáticos com exposições de trabalhos dos estudantes. Além disso, o evento também vai promover uma Palestra e Rodas de Conversa com especialistas do mercado literário e da educação, que terão a presença de escritores, ilustradores, contadores de histórias, editores, artistas, roteiristas e pesquisadores.

Na abertura das Rodas de Conversa sempre haverá uma contação de histórias com  Sandra Lane, especialista em arte-educação da palavra oral à escrita, gestão cultural e alfabetização.

“Preparamos uma programação que busca aliar as formas de expressão artística a as áreas do conhecimento como história, artes, ciências, língua inglesa, em um trabalho interdisciplinar, sempre permeando o viés da literatura. Toda a comunidade escolar está convidada a fazer parte dessa imersão no universo da arte, da leitura e da cultura”, destaca Belkiss Del Rio, Bibliotecária do Colégio Santo Agostinho – BH.

Programação Palestras e Rodas de Conversa – No dia 11 de abril, a Mostra En(cantos) Literários recebe Elvira Souza Lima, uma das mais importantes especialistas brasileiras em Educação e Desenvolvimento Humano, que vai falar sobre “o que a neurociência tem a dizer sobre o desenvolvimento da criança?”.

Já no dia 12, é a vez de Leo Cunha, autor de mais de 60 livros, entre literatura infantil e juvenil, crônicas e poesia. Também publicou contos e poemas em diversas antologias. Ele vai falar sobre a “relação do livro com o leitor”.

No mesmo dia, Mariângela Haddad, escritora e ilustradora que já publicou oito livros e ilustrou cerca de 180 livros, de diversos escritores, vai falar sobre “desenhos que contam histórias”.  Na sequência, “a poesia pede passagem” em palestra de Ângela Leite de Souza, que em 2022 comemorou quatro décadas de carreira dedicada à poesia e à literatura infantojuvenil. Para encerrar, o premiado químico Rochel Montero, que já escreveu livros que ensinam a biologia de animais para alunos do fundamental, vai abordar a “conexão pais e filhos por meio da ciência: o caso da produção dos livros da série homo sapiens”.

No dia 13, Igor Amim, educador audiovisual, diretor e empreendedor criativo, vai fazer um bate-papo sobre “como educar as crianças no mundo das telas?”. Para encerrar as atividades, Rosana Mont’Alverne, autora, editora e contadora de histórias, fará um debate com o tema “Da palavra oral à escrita: a descoberta da literatura na infância”.

Exposições – Quem passar pela Mostra poderá conferir exposições de trabalhos desenvolvidos com interdisciplinaridade nas áreas de artes, língua portuguesa, ciências e história. Os trabalhos serão expostos em ambientes temáticos nos pátios e salas de aula da Unidade Belo Horizonte, com a valorização da produção dos alunos e integrando as diferentes faixas etárias. Uma oportunidade para a comunidade escolar conhecer o processo criativo e de releitura de obras diversas.

Também haverá uma exposição dos originais da ilustração do livro “Um verso a cada passo: poesia na estrada real”, de Angela Leite de Souza.

Casa da leitura – O projeto estará na Mostra En(cantos) Literários e é uma aposta do Colégio Santo Agostinho para estimular a leitura em um espaço interativo, onde as paredes podem ser reconstruídas por livros. A estrutura é feita em módulos, é itinerante e pode ser transportada para praças, escolas e espaços culturais com o intuito de promover a aprendizagem, estimular a leitura, a cultura e o conhecimento.

Ponto de leitura – No pátio do Colégio, o Ponto de Leitura conta com um acervo de livros, com a curadoria das equipes das Bibliotecas. Os livros são oferecidos ao público no conceito da livre circulação, sem cadastro, sem cobranças, sem multa. A ideia é ler, devolver ou passar adiante. Uma corrente literária.

Mais novidades do mundo literário, continue navegando!

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *