Para todos garotos que já amei | Jenny Han

A Netflix vem investido pesado nas adaptações literárias e não tem decepcionado

Para todos garotos que já amei é o novo filme high school da Netflix.

A adaptação do livro de mesmo nome da Jenny Han, conta a história da Lara Jean, uma garota fã de romances, mas que não tem coragem de viver sua própria história de amor, por isso ela sempre escreve cartas a suas paixões, mas nunca envia. Até que um dia, essas cartas vão para cada um dos 5 garotos que ela declarou sua paixão.

O livro é o típico romance adolescente, cheio de confusões, mas muito amorzinho. Lara Jean é uma garota cheia de inseguranças, uma vez que cresceu sem a mãe, apenas com o pai e as irmãs. A relação dela com a família é muito bonita, cheia de cumplicidade e amor.

Por falar em amor, afinal, temos aqui um romance, não podemos nos esquecer de Peter Kavinsky, o garoto de olhos bonitos, divertido e comprometido com a ex-amiga de Lara Jean. É claro que ele é sinônimo de problemas, mas talvez seja também a solução para a confusão das cartas em que Lara Jean se meteu.

Para todos garotos que já amei é um livro muito fofo, daqueles que você termina de ler com um sorriso e merecia uma adaptação a altura. E não é que a Netflix conseguiu até mesmo superar o livro de Jenny Han?! Pois é, o filme é divertido e romântico tal como o livro, mas fiquei com a impressão que ele superou.

Gostei muito da escolha dos atores e a atriz Lana Condor, além de ser linda, encarnou perfeitamente a Lara Jean do livro. 

A história ficou mais sucinta e deu para focar mais nos personagens principais e alguns problemas envolvendo Lara Jean e suas irmãs foram excluídos da história, o que eu achei uma mudança muito bem-vinda.

Trecho filme

Para todos garotos que já amei funcionou muito bem como filme de “sessão da tarde” e conseguiu entregar a alma do livro escrito por Jenny Han. Agora esperamos a continuação, afinal, “P.S. Ainda amo você”.

E o público parece ter gostado, tanto que Para todos garotos que já amei, publicação da editora Intrínseca está figurando na lista dos livros mais vendidos deste mês, aparecendo na terceira posição, e a sua continuação “P.S ainda amo você” está na nona posição da lista divulgada pela Revista Veja [Edição 2597].

Livros ou suas adaptações? É sempre polêmico, né? Veja outros comparativos aqui

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *