Mia Couto realiza bate-papo na Casa Fiat de Cultura e lança o livro “O bebedor de horizontes”

Mia Couto nasceu em 1955, na Beira, em Moçambique. É biólogo, jornalista e autor de mais de 30 livros, da prosa à poesia. Recebeu uma série de condecorações literárias, entre os quais, o Prêmio Camões de 2013, o mais prestigioso da língua portuguesa, e o Neustadt Prize de 2014. É membro correspondente da Academia Brasileira de Letras. 

No dia 12 de abril, a partir das 19h30, a Casa Fiat de Cultura apresenta bate-papo com Mia Couto. A entrada para o evento é gratuita, com espaço sujeito a lotação (200 lugares). A distribuição de senhas será feita a partir das 18h30. 

Além de conversar com o público, Mia Couto apresentará seu mais recente livro, O bebedor de Horizontes, volume que encerra a trilogia histórica As areias do imperador, e no qual o escritor retrata a saga final do imperador moçambicano Gugunhana, derradeiro grande governante de um império na África no século XIX. Após o bate-papo, será realizada sessão de autógrafos. O livro estará à venda, na Casa Fiat de Cultura, a R$ 49,90. Os livros que compõem a trilogia são Mulheres de cinza (2015), A espada e a azagaia (2016), e, agora, O bebedor de horizontes (2018), todos lançados pela editora Companhia das Letras.

Data: 12/4 (quinta-feira)

Horário: 19h30

Local: Casa Fiat de Cultura (Praça da Liberdade, 10, Funcionários – BH/MG)

Informações: (31) 3289-8900

Quer ficar por dentro dos eventos literários que acontecem em BH? Acesse a nossa Agenda

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *