A Praça Israel Pinheiro, mais conhecida como Praça do Papa, é um lugar de encontros diversificados

“Que Belo Horizonte!”, essas foram palavras ditas pelo Papa João Paulo II diante da bela vista da Praça Israel Pinheiro, que devido a essa visita, ficou conhecida como a famosa Praça do Papa! Um local de vista privilegiada, ao fundo a Serra do Curral e a frente, uma visão panorâmica da cidade, um espaço de encontros, apresentações culturais, prática de esportes… Um lugar de muitos encontros!

A palavra praça remete a um lugar tranquilo, infância, brincadeiras ao ar livre, encontros de namorados e amigos, é uma mistura de bons sentimentos. A Praça do Papa faz jus a essas lembranças. BH tem um jeitinho de interior, onde as pessoas priorizam encontros presenciais e uma boa comida em todas as situações. Assim é a nossa praça!

Foto: Acervo Belotur

Todo “Belorizontino” que se preze já foi fazer algum passeio na Praça do Papa, e por isso, vamos listar 5 situações mais comuns que se repetem na nossa querida praça:

1 – Passeio para ver o pôr do Sol

Que casal, ou grupo de amigos, nunca foi a praça ver o maravilhoso pôr do sol? Se você respondeu que nunca, não sabe o que está perdendo! A vista é maravilhosa, e sol dá um espetáculo à parte todos os dias ao se recolher! Se você ainda não foi apreciar esse momento é hora de marcar com pessoas especiais, registrar esse instante único e se deslumbrar com o momento.

2 – Namorar sob a luz da lua

Que delícia que é namorar em um lugar romântico sob a luz do luar. A praça sempre recebeu muitos casais apaixonados que ficavam ali, sentados, olhando a vista e trocando juras de amor ao som das músicas que saiam dos violões de grupos de amigos que se encontram para um lindo luau. Nos últimos tempos, esse ponto foi um pouco comprometido devido algumas “festa” proibidas que estavam acontecendo no lugar, mas a praça é democrática e tem espaço para todo mundo, principalmente para os apaixonados de plantão.

3- Encontro com os amigos

Sábado e domingo é muito comum chegar na praça e encontrar grupos de amigos em um delicioso piquenique, jogando peteca, tocando violão, ou apenas jogando conversa fora, como dizem os mineiros. Observamos as pessoas praticando Slackline, jogando capoeira, fazendo yoga, lendo livro e outras atividades que com certeza ao pé da Serra fica ainda mais especial.

4 – Passeio em família

Esses passeios geralmente acontecem no decorrer do dia. É lindo ver o sorriso largo das crianças em uma brincadeira com os pais, que ficam encantados em apresentar um pedacinho da sua cidade para seus filhos, famílias com representantes de várias gerações se divertindo juntos em um mesmo lugar. Vão conhecer a famosa praça, ou se encantar com a vista junto aos seus familiares.

5 – Participar de atrações culturais

A praça é acolhedora e abriga muitas representações artísticas durante seu encantador pôr do sol, de shows a apresentações de teatro. O grupo Galpão apresentou lá um dos seus principais espetáculos; Romeu e Julieta. O público foi ao delírio na gravação do DVD da banda mineira Jota Quest, e se encantou com o festival internacional de Jazz.

Eu amo essa praça e já vivi muito momentos especiais por lá, já namorei sob a luz do luar, já presenciei um maravilhoso espetáculo do pôr do sol, tirei fotos quando estava grávida, fiz passeio com minha cachorrinha Amora, estava lá na gravação do DVD do Jota Quest e agora me preparo para ir com minha pequena Maria e apresentar pra ela esse lugar encantador!

A Praça do Papa é assim, uma mistura de ações e sentimentos, se você ainda não conhece esse lugar encantador é hora de aparecer por lá e se deliciar com momentos inesquecíveis que serão vividos de frente para uma das mais belas vistas de BH. Quer compartilhar conosco alguma das suas experiências vividas por lá, conta pra gente!

Especial BH 120 anos. Veja outras histórias sobre a cidade aqui!

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *