5 SÉRIES PARA MARATONAR NO FERIADO

Que o brasileiro adora um feriado prolongado todo mundo sabe! A boa notícia é que neste mês serão dois feriados.

E, para aqueles que pretendem aproveitar a folga em dose dupla, em casa mesmo desfrutando da companhia da Netflix, listamos cinco séries curtinhas para maratonar nos dois feriados.

The Sinner

O drama ‘The Sinner’ acompanha a jovem mãe Cora (Jessica Biel) que, durante um passeio em família, sofre um ataque de raiva inexplicável e comete um ato de violência assustador contra um desconhecido.

Mesmo sem entender o motivo, Cora confessa o crime de imediato para a polícia, que considera como um caso encerrado. Mas o inspetor Rudolf Grovian (Bill Pullman), obcecado por tantas perguntas sem respostas, decide dar início à sua própria investigação.

Aos poucos, o passado de Cora vem à tona, revelando terríveis segredos violentos nas profundezas de sua mente.

‘The Sinner’ é um thriller viciante e perturbador e mostra como traumas do passado podem deixar marcas terríveis em nossa vida. Através de memórias, a personagem consegue voltar em alguns momentos de sua vida, tornando cada episódio ainda mais complexo e interessante.

Baseado no best-seller homônimo, a série possui dez episódios e a segunda temporada estreia na próxima semana, dia 9. O que já garante a segunda rodada para o próximo feriado.

Confira a resenha completa de The Sinner Aqui.

Peter Kramer/USA Network

MindHunter

Também conhecida como ‘Caçador de Mentes’, a série ‘Mindhunter’, teve sua primeira temporada exibida pela Netflix em 2017.

Os dez episódios contam a história dos agentes do FBI Holden Ford (Jonathan Groff) e Bill Tench (Holt McCallany), que, na década de 70, passam a entrevistar assassinos em série com o intuito de compreender a mente criminosa e, assim, tentar resolver casos que ainda estão em andamento.

Inspirada no livro homônimo “Mindhunter – O primeiro caçador de serial killers americano”, da ed. Intrínseca, a produção é baseada em fatos reais, tanto nos personagens quanto nos acontecimentos que guiam a trama.

Além dos protagonistas, homens como Ed Kemper, Darrell Gene Devier, Richard Speck, Jerry Brudos e Monte Ralph Rissell foram nomes que marcaram a história de assassinatos dos Estados Unidos.

Com diálogos inteligentes, a narrativa da série deixa o suspense bem construído e sem pressa para nos dar respostas. Além disso, com fatos verídicos, a produção mostra como o termo “Serial Killer” nasceu.

Produzida por David Fincher, o mesmo de ‘House of Cards’, ‘Mindhunter’ Já foi renovada para uma nova temporada, porém ainda não tem data de estreia.

Merrick Morton/Netflix

Elite

‘Elite’ é a produção mais nova da lista na plataforma de streaming. A série chegou ao catálogo da Netflix no dia 5 de outubro e já fascinou muita gente.

Com uma mistura de dramas adolescentes como ‘Rebelde’ e ‘Gossip Girl’ e muito suspense no estilo ‘How To Get Away With Murder’, ‘Elite’ conta a história de três adolescentes humildes que, após ganhar bolsas de estudo, acabam se mudando para uma das melhores e mais caras escolas do país, frequentada pelos filhos da elite espanhola.

O confronto entre aqueles que têm tudo e aqueles que não têm nada a perder cria uma atmosfera carregada e acaba levando a um assassinato.

A série, criada por Carlos Montero e Darío Madrona, conta com oito episódios de quase uma hora cada, o que garante uma maratona em um dia só para os mais animados.

Confira a resenha completa de Elite Aqui

Netflix/Divulgação

Good Girls

Beth (Christina Hendricks, de ‘Mad Men’), Ruby (Retta, de ‘Parks and Recreation’) e Annie (Mae Whitman, de ‘Parenthood’) são três mães de classe média que estão passando por uma situação financeira difícil. Após uma série de contratempos, elas ficam desesperadas e decidem assaltar um mercado local.

Logo elas descobrem que estão na maior fria quando o chefão do crime local aparece cobrando o dinheiro de volta. É quando a confusão se instala e tudo começa a dar errado.

O roteiro consegue misturar comédia e drama na medida ideal, com piadas pontuais que nos fazem rir, mas nunca deixando de se aprofundar no drama das protagonistas.

‘Good Girls’ possui dez episódios que prendem nossa atenção do começo ao fim, mostrando que existe uma linha muito tênue entre ser a mocinha ou vilã. Essa ambiguidade das protagonistas é a melhor coisa da série: elas são seres humanos com falhas e defeitos.

A criadora Jenna Bans já confirmou uma segunda temporada que será ainda mais sombria, engraçada e inesperada. Porém, ainda sem data de estreia.

NBC/Divulgação

Atlanta

A série, criada, dirigida e estrelada por Donald Glover, acompanha Earnest “Earn” Marks (Glover), um jovem que abandonou os estudos para fazer sucesso na cena musical da cidade de Atlanta, gerenciando a crescente carreira de seu primo Alfred, também conhecido como Paperboy (Brian Tyree Henry).

A produção, que está disponível na Netflix desde 2016, foi muito bem recebida pela crítica dos Estados Unidos. Por aqui, algumas pessoas só descobriram a série após o sucesso estrondoso de “This Is America”, um clipe polêmico lançado neste ano sobre a violência contra os negros nos Estados Unidos. E que tem muito a ver com ‘Atlanta’. O videoclipe também é do Donald Glover, mas no cenário musical ele usa o pseudônimo Childish Gambino.

Produzida pelo canal de televisão americano FX, “Atlanta” já ganhou prêmio Globo de Ouro de Melhor Série e Melhor Ator, e no Emmy, Glover ganhou na categoria “Melhor Direção”.

Com humor ácido, retrato sem filtros da classe média baixa e críticas ao racismo com sutileza ímpar, Atlanta mostra porque é a comédia americana mais queridinha da atualidade.

São dez episódios curtinhos, com cerca de 25 minutos cada, que fazem a gente lamentar o fim de cada um.

Atlanta já tem a terceira temporada confirmada para 2019. Mas a segunda ainda não tem data de estreia na Netflix.

Matthias Clamer/FX

Deixe o seu comentário

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *